Agora que você já sabe qual tipo de televisão você quer (convencional, LCD ou plasma), a próxima pergunta a ser respondida é: “qual o tamanho ideal para o meu caso?”.

Normalmente, a primeira resposta que vem na cabeça é “a maior possível”. Isso até fazia algum sentido quando só existiam TVs CTR (convencionais) e raramente encontravam-se telas maiores do que “trinta e tantas” polegadas à venda. Mas, atualmente, com TVs de plasma e LCD em todas as lojas, de todos os tamanhos possíveis e imaginários e com definições superiores as antigas TVs, nem sempre a maior tela significa maior conforto.

Efeito “sentar na fila da frente no cinema”
Quando você entra no cinema, qual é o último lugar que você escolheria para sentar? Com certeza é nas fileiras da frente! Além de ter o desconforto de ficar olhando para cima, você praticamente não consegue prestar atenção na tela inteira. Embora nossos olhos nos permitam ter um campo visual bem grande, somente prestamos atenção em uma pequena parte da imagem – captada pela região chamada fóvea – que é a parte mais central da imagem que seu cérebro forma. Para perceber isso, basta olhar para qualquer coisa! Sempre que você quer prestar atenção em alguma coisa, você vira a cabeça ou os olhos de modo que a parte mais importante sempre fica no centro.

distância do monitor?
Ninguém trabalha longe do monitor, pois perde-se detalhes da imagem

O inverso ocorre quando você se senta na frente do computador. O monitor fica bem na frente do usuário porque quanto mais longe você fica, mais detalhes você perde.

A mesma idéia que vale para o cinema ou para o computador vale na hora de comprar uma TV. Caso o lugar que você irá sentar para assistir à TV seja muito perto da tela, você perderá boa parte da imagem. Pior ainda no caso de filmes legendados, pois você terá que ficar virando a cabeça para conseguir ler tudo. Mas também uma TV muito pequena ou sofá longe da tela faz com que você perca muitos detalhes da imagem.

tamanho x altura
Tamanho em polegadas fornecido pelo fabricante equivale à distância diagonal das telas. Como a tela widescreen tem a proporção 16:9, você pode usar a Teoria de Pitágoras para encontrar a altura (e pensar que me disseram que eu nunca iria usar isso além das provas de matemática…) ou usar uma fita métrica na loja :)

Existem muitas fórmulas para calcular o tamanho de tela ideal para uma TV. A que eu considero mais simples é a de calculo de distância mínima e máxima através da altura da tela:

Distância mínima = 2,0 x altura da tela
Distância máxima = 2,5 x altura da tela

distância mínima e máxima de uma TV

Usando a fórmula, dá para se ter uma idéia da distância ideal para a TV. Essa distância pode variar de acordo com a definição da imagem (quanto melhor, mais perto)

Por exemplo: a tela da nova LG LCD 52LG50FD de 52 polegadas tem aproximadamente 65 cm de altura. Neste caso, a distância ideal para assistir a ela está entre 1,30 m e 1,62 m da tela.

Obviamente, esses números podem variar de acordo com o que você vai assistir. Assistir uma programação de TV aberta (baixa definição) de perto não tem tanta graça. Portanto, além da fórmula, vale a pena dar uma passadinha na loja antes de comprar a TV. Muitas delas possuem especialistas na montagem de home theatre e, caso você leve as medidas do local em que ficará a TV, este profissional poderá indicar o melhor modelo para seu caso, além permitir um “test drive” da sua futura TV no local de exposição.

Jonny Ken, da Equipe LG

TAGS: