O Mini System LG CM9520 não é daqueles aparelhos de som que passam despercebidos. Muito menos um aparelho de som que fica lá no topo da estante, reproduzindo os CDs, sem chamar atenção. Ele é grande, ele é forte, ele é potente e ele dá um soco na barriga a cada batida da canção que está tocando. Além disso, conta com um recurso muito bacana, que falaremos mais lá no meio do texto. Ficou curioso? Então continue lendo nosso review.

Mini System LG CM9520

Muito mais do que um rostinho bonito

De fato, quando você passa por uma loja – já vi vários varejistas do Brasil com ele na porta, sério – não dá para não olhar. Seja pelo som alto, seja pelo brilho do metal que fica nos falantes, ou então pelas luzes que são exibidas, de acordo com a música. Você olha.

Junto das luzes que ficam no subwoofer, há também alguns LEDs que ficam ao redor do grande botão de volume, e outras que piscam no display. Algumas destas luzes ficam piscando conforme a música é reproduzida.

Botão de volume do Mini System LG CM9520

Além desta parte estética, o aparelho também conta com alguns truques na manga, como a possibilidade de inserir uma batida – de vários estilos musicais – na música que está sendo reproduzida. É como um DJ faz. Além da batida, é possível controlar o tempo dela, para encaixar perfeitamente com o que você ouve. A batida pode ser de música eletrônica, forró, samba, salsa, funk ou sertanejo.

Auto-DJ e Beat box do Mini System LG CM9520

Outro recurso presente por aqui é, na verdade são, várias formas de equalização com base em ritmos brasileiros. Estas equalizações seguem o os estilos musicais da batida extra que pode ser inserida, ou seja, há equalização para forró, samba, salsa, funk ou sertanejo. Claro, se você quiser as equalizações baseadas em músicas internacionais, elas também estão configuradas.

Reproduzir músicas, de tudo quanto é lado

O Mini System LG CM9520 conta com várias formas de reprodução de conteúdo. Como o tradicional rádio AM/FM e CD com bandeja para até três discos. Além disso, você pode reproduzir arquivos MP3 que estão em pen drive ou HD externo. Se você inserir dois pen drives (sim, o aparelho conta com duas entradas USB na frente), poderá passar o conteúdo de um lado, para o outro.

Entradas USB no Mini System LG CM9520

É algo como fazíamos com as fitas cassete em aparelhos de som que disponibilizavam dois decks, lembram? Assim como nas fitas cassete, também é possível realizar backup de um CD.

Conector de iPod no Mini System LG CM9520

Além destes meios, há também um dock no topo que consegue reproduzir músicas que estão em iPods e iPhones com conectores de 30 pinos.

Alto, alto, muito alto

Ao todo são 1.700 watts RMS distribuídos da seguinte forma: duas caixas de som com um subwoofer de 12 polegadas e potência de 330 watts RMS, duas menores, com tweetter, de 330 watts também e outras duas ainda menores, com 190 watts RMS cada. Tudo isso junto, faz barulho, muito barulho.

Caixas de som empilhadas do Mini System LG CM9520

Como são seis caixas, você precisa de bastante espaço para instalar o aparelho de som. Porém, a LG traz dois apoios para que as caixas do subwoofer fiquem deitadas, apoiando as duas menores em cima de cada. Desta forma, o espaço necessário é menor. Esta configuração com espaço reduzido é perfeita para apartamentos, como é o meu caso. Se você conta com mais espaço, espalhe as caixas, o que dá um efeito sonoro ainda melhor.

Em testes realizados com o volume em quase 80% do máximo, os vidros do meu apartamento tremeram, tremeram muito. Se você mora em apartamentos, pode encontrar alguns problemas com vizinhos na hora de bombar a festa. Ele funciona perfeitamente em ambientes fechados, mas lembre-se da lei do silêncio em condomínios. Dica? Coloque o Mini System LG CM9520 em um salão de festas, dos grandes. Só ele já é o suficiente para rodar aquela festa, seja lá qual for.

Conclusão

Este é o Mini System com maior potência do mercado. A potência total de 1.700 watts RMS faz um barulho muito alto e ainda treme o chão – ok, o chão não, mas a barriga sim. Se você procura um aparelho que pode tocar a maior festa, mesmo que em espaços não muito grandes, é uma ótima pedida.

TAGS: